O que são as Marcas da Contrastaria?

É uma questão que nos colocam muitas vezes.
O que significam aquelas marquinhas nos anéis, colares, pulseiras?
Ás vezes são duas, outras três. Porquê?

Primeiro, temos que evidenciar que as joias que estão legalmente obrigadas a ter as chamadas marquinhas (punções da Casa da Moeda) são as de metal precioso, como por exemplo:

  • Platina
  • Ouro
  • Prata

As punções não são obrigatórias em todos os países, mas em Portugal são e é o INCM – Instituto Nacional da Casa da Moeda, o responsável pela verificação e legalização das peças.

Todos os comerciantes de ourivesaria com actividade em Portugal, são obrigados a levar as suas peças de ourivesaria à Casa da Moeda antes de as disponibilizarem ao público.
O aço, como não é um metal precioso, não carece desta autorização.

Segundo, as marcas que podemos observar à lupa referem-se à marca da própria Contrastaria e à marca referente ao teor do metal da joias. Pode conter uma terceira marca em alguns casos, como:

– Tem a marca registada do joalheiro;
– Possui alguma pedra preciosa (diamante, rubi, pérola), esta punção já não é obrigatória, na medida em que existiam falsificações;
– A joia tem mais de um metal precioso, então por exemplo os anéis em prata e ouro tem 3 punções: a da prata, ouro e a da Contrastaria.

Em baixo, partilhamos o link com a tabela legal e autorizada pela Casa da Moeda.
Quando se veem as marcas à lupa, irão encontrar algum destes símbolos:

Ver a Tabela aqui

 

 

Mais Artigos da Magazine Grazeta

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

0

Your Cart